Homenagem Composta

Ato Verbal

Por que Tâmara aconteceu logo 
contigo, preferia dar minha vida a 
te ver nesse castigo, a dor que arde
 dentro do meu coração, enfraquece a
 alma sem cor ou vibração, o sistema
 não liga pra você amigo, como um 
alcoólatra viciado torto ou 
paralítico, mas a pessoa que eu falo
 é uma história diferente, ossos 
atrofiados com fortes dores 
ardentes, nem a porra da bota 
ortopédica eu tive condições de 
comprar, pra ver assim eu conseguia 
te ajudar me lembro do caminho que 
você tinha que andar, pelo menos 
trinta minutos pra chegar e estudar 
a volta para casa era entristecida, 
todo mundo passava olhava e ria não 
chore minha irmã eu tenho orgulho de
 você ora ai por min um dia nós se 
vê, chega de pensamentos coisas do 
passado amigos traidores mortes ou 
pecados, você já sofreu e é bom 
descansar te desejo céu azul e um 
jardim  para passear

{REFRÃO}
Não quero levar flores nem ver o seu
 caixão vê sua família entristecida 
sem fé ou alegria com dor no coração
 {2x}.

Sonhei com você aonde estava do meu lado, me ensinado os caminhos ao correr pelo exato, e hoje esta no céu longe de seus rivais lembra do tempo que a gente curtia andava pela praça sentava e ria, sempre discriminada sozinha ela chorava será que na outra encarnação você fez sangrar várias vida acho que não, suas trilhas respeitadas olha a flor com o espinho, que corta os sentimentos sem o mínimo carinho, dormindo inconsciente vai sofrer alteração me lembro do vizinho correndo tentando ajudar chamam ambulância vamos resgatar meus irmãos desesperados começavam a chorar e eu na massagem cardeal vou tentar reanimar, o resgate chega sem a mínima noção despreparado pro combate é só levar para o caixão, ai Jesus acredito na palavra mas porque não ajudou a minha irmã amada o que mais perturbava minha alma mutilada era a oração dos Zé povinho e rezava pra desgraça, é minha irmã somente pra desgraça {REFRÃO} Não quero levar flores nem ver o seu caixão vê sua família entristecida sem fé ou alegria com dor no coração {2x}. No erguimento do caixão o seu corpo congelado, pensamentos entristecidos e ninguém do meu lado, minha alma desabafa em um canto vai chorando, e eu ali parado tipo me condenando fiz uma pergunta e joguei ao relento DEUS por favor me mate quando a tempo mas esse não é caminho simplesmente é ilusão o reflexo da sua pessoa é o poder do coração então minha irmã esta salva numa sala estruturada vai sendo restaurada me lembro que assim que ela se foi ficou muito difícil tipo sacrifício mas não foi em vão cumpriu sua missão com muita dedicação, obrigado pai por iluminar a situação que todos que aqui estão entendam esse refrão. {REFRÃO} Não quero levar flores nem ver o seu caixão vê sua família entristecida sem fé ou alegria com dor no coração {4x}.
Composição: Grupo Ato VerbalColaboração e revisão: Daniel

Utilizamos cookies para personalizar sua experiência. Ao acessar o site, você concorda com a nossa Política de Privacidade.