Artista mistura capas de discos com pinturas clássicas

Por Damy Coelho

Tem algumas capas de álbuns que são tão bonitas e interessantes que poderiam sair das lojas e irem direto pra uma galeria de arte. Deve ter sido pensando nisso que o artista Eisen Bernardo resolveu misturar capas de álbuns com o universo das pinturas.

Unindo essas duas paixões, o artista selecionou pinturas clássicas e escolheu álbuns atuais da música pop para compô-los.

O resultado desse verdadeiro mash-up artístico você confere a seguir:

1. Liberdade, Igualdade, fraternidade e Lana Del Rey

 2. One, two, three, four!

3.  Praying for Bowie:

4. Johnny Cash parece desconfiado:

5. Essa do Lil Waine é impagável:

6. Camila Cabello bem tropicália na Europa do século XIV:

7. Pink já tem a vestimenta perfeita:

8. DJ Kahled (amamos todas as capas com bebês!)

9. (Sério, não parem com as capas de bebês):

10. Selena Gomez versão séc. XVIII

11. Assistindo o nascer de um fenômeno:

12. Ja Rule + A garota com brinco de pérola:

13. Uma nova perspectiva de um clássico:

14. Se você olhar direitinho, vai ver o single de Calvin Harris, Katy Perry, Pharrel Williams e Big Sean criando uma composição incrível no ombro da Frida Kahlo:

15. Quando você quer dar um close, mas seu chefe está do lado:

16. Miley Cyrus mais plena do que na capa de Malibu

17. Monalisa virou a trilha sonora de Quase Famosos:

18. E essa do La La Land?!

19. Divando no jantar:

20. I’m sexy and I Know It:

21. Despacito + revolução:

Para conferir mais do trabalho de Eisen Bernardo, acesse a página do artista no Instagram.