16 cantoras de rock que marcaram a história da música

Por Ayllana Ferreira

Aprender a cantar nem sempre é fácil. Por mais que algumas pessoas possuam habilidades naturais que facilitam o processo, ainda é preciso ter dedicação e disciplina. Neste contexto, uma dica é começar pesquisando estilos e artistas que trazem inspiração, para buscar referências no meio. As cantoras de rock podem ser um ótimo começo para mulheres que curtem o gênero musical.

Cássia Eller e Rita Lee são duas das principais cantoras de rock da história
Cássia Eller e Rita Lee no palco do Acústico MTV, em 1998 (Foto/Reprodução/Internet)

Isso porque, além de serem peças essenciais para a história da arte, elas trazem a representatividade necessária para os dias atuais, mostrando que é sim possível se acreditar. Pensando nisso, preparamos uma lista especial com alguns nomes femininos do rock que marcaram e marcam gerações. Confira a seguir!

Cantoras de rock que você precisa conhecer

Selecionamos 16 cantoras de rock de diferentes gerações e nacionalidades para trazer variedade para a lista. Vale mencionar que os nomes citados não estão em ordem de prestígio nem reconhecimento. Vamos lá?

1. Joan Jett

Nos anos 70, auge da sexualização das mulheres, Joan Jett não só fez diferente, como lutou contra. Embora mais para frente a sua banda, The Runaways, tenha se envolvido em polêmicas sobre o tema, é inegável o quão inspirador foi o posicionamento da artista. Tanto que hoje, com mais de 40 anos de carreira, segue sendo uma referência entre as cantoras de rock.

É quase impossível falar da história deste gênero musical sem citar seu nome. Autêntica, inspiradora e empoderada, a grande estrela mostrou e ainda mostra que as garotas podem chegar aonde quiserem.

2. Rita Lee

Cantora, compositora, ativista e escritora, Rita Lee é tida como a Rainha do Rock Brasileiro. Em 1975, lançou o disco de sucesso Fruto Proibido, com a banda Tutti Frutti. O álbum vendeu mais de 700 mil cópias somente no Brasil.

Mas não pense que para por aí! Em carreira solo, ela acumulou vários hits aclamados pela crítica, além de eternamente lembrados pelo público.

3. Cássia Eller

Se vamos falar da história do rock nacional, Cássia Eller não pode ficar de fora! Ainda nos anos 90, ela foi eleita a 18ª maior voz da música brasileira pela revista Rolling Stone. A carioca ficou marcada por releituras de canções de outros artistas, que são obras celebradas até os dias de hoje.

Mesmo tendo nos deixado cedo, com apenas 39 anos, em 2001, seu talento e vozeirão ultrapassam as barreiras do tempo.

4. Patti Smith

Considerada a madrinha do punk, Patti Smith construiu um legado. Com inteligência e de forma poética, ela se apropriou de músicas já existentes e transformou em algo só seu. Um exemplo disso é a composição Gloria, que utiliza de instrumental vigoroso para abrir o seu primeiro disco (Horses).

5. Janis Joplin

Mais um nome que nos deixou cedo demais, Janis Joplin foi uma das maiores cantoras de rock dos anos 60. A estadunidense faz parte do infeliz Clube dos 27 e, apesar de pouco tempo de vida, deixou legados artísticos e de representatividade indiscutíveis. Neste sentido, mostrou que as mulheres poderiam fazer parte de um espaço majoritariamente masculino. 

Em uma época repleta de tabus, suas letras cantavam sobre sexualidade, psicodelia e dilemas morais. Tudo isso com uma voz marcante, repleta de sentimentos, o que a consolidou como uma das referências do rock.

6. Alanis Morissette

Alanis Morissette é um dos grandes nomes da música dos anos 90. Começou sua carreira artística no canal Nickelodeon e acumula mais de 76 milhões de cópias vendidas, 15 Junos e 7 Grammys. O álbum de estreia da artista, que leva seu primeiro nome, foi o disco feito por uma mulher mais vendido do mundo.

7. Tina Turner

Tina Turner foi a primeira cantora a dar voz a todas as mulheres que são vítimas de violência doméstica. Enquanto na frente dos palcos ela se destacava como uma das maiores vozes da história, nos bastidores, era vítima de seu marido. Foram cerca de 16 anos de violências física e psicológica.

Em 1976, após pedir divórcio, a artista começou sua carreira solo. Aos 44 anos, entrou no top 100 da Billboard e se tornou símbolo para todas as gerações que vieram após.

8. Amy Lee

Amy Lee é um dos principais nomes do rock atual. Bem-humorada e carismática, a cantora da banda Evanescence possui voz potente que chama atenção por onde passa. Seu álbum de estreia vendeu mais de 17 milhões de cópias. Como resultado, obteve 7 discos de platina nos Estados Unidos e 4 no Reino Unido. Isso sem falar das várias indicações já recebidas em premiações.

9. Pitty

Pitty é uma das maiores representantes do rock brasileiro. São mais de 2 décadas de trajetória, sendo que esteve no topo em pelo menos uma delas. Ela é uma das vozes mais escutadas do país.

10. Suzi Quatro

Cantora, baixista, personalidade da rádio e atriz, Suzi Quatro foi destaque nos anos 70. Por mais que o seu primeiro single não tenha chamado tanta atenção, o segundo, Can the Can foi hit no mundo inteiro. Aos poucos, as suas oportunidades no universo da música foram reduzindo, à medida que crescia seu prestígio enquanto atriz.

11. Grace Slick

Mesmo que prefira o rock atual, você provavelmente já ouviu uma música de Grace Slick. No filme Alice Através dos Espelhos, a cantora teve a canção White Rabbit regravada pela Pink, para integrar a trilha sonora do longa.

Por mais que a sua trajetória seja relativamente polêmica, a força da sua voz, associada à personalidade marcante, fez com que se tornasse uma referência.

12. Stevie Nicks

Sim, grandes cantoras de rock também voltaram com força total por causa do TikTok! Em 2020, a música Dreams, da sua banda Fleetwood Mac, deu o que falar. Em somente três dias, a composição foi ouvida mais de 2,9 milhões de vezes.

Simpatizante de bruxaria e de religiões neopagãs, Stevie Nicks levou seu grupo ao estrelato nos anos 70, ao lado de Lindsey Buckingham.

13. Billie Holiday

A cantora e compositora Billie Holiday foi considerada a voz mais emocionante dos Estados Unidos. Trata-se de uma das primeiras mulheres negras a se apresentarem com um grupo de homens. Influenciada pelo jazz, sua trajetória foi marcada por muita violência doméstica. Ela faleceu aos 50 anos, por causa de uma overdose.

14. Paula Toller

Com um meio-soprano dramático e irresistível, Paula Toller é mais um nome marcante do rock brasileiro. A ex-vocalista do Kid Abelha, grupo com o qual lançou hits como Te Amo Pra Sempre, começou a carreira solo em 1998 e compôs novos grandes sucessos. Derretendo Satélites e Oito Anos são alguns deles.

15. Sister Rosetta Tharpe

É impossível falar de cantoras de rock sem mencionar Sister Rosetta Tharpe. Entre os anos 30 e 40, ela conquistou o público com as suas músicas que misturavam espiritualidade com violão elétrico. Para muitos, ela é a “Mãe do Rock” e um ícone da história.

Isso não só por tudo que fez pelo estilo, mas também por inspirar grandes vocalistas de todas as eras. Elvis Presley, Robert Plant e Etta Jones são alguns bons exemplos disso.

16. Hayley Williams

Do sucesso da banda Paramore à carreira solo, Hayley Williams é mais um nome muito importante do gênero atualmente. Se consagrou como uma das referências do rock alternativo. Apesar da separação dos integrantes do icônico grupo, o Paramore sempre será lembrado com considerável carinho dos fãs, o que muito se deve ao trabalho da vocalista.

Ao longo deste artigo, apresentamos a você 16 cantoras de rock que construíram a história da música mundial. Todos os nomes citados são enormes referências no estilo e artistas tidas como inspiração para muita gente.

E aí, gostou do conteúdo? Compartilhe nas suas redes sociais e com quem possa se interessar, para nos ajudar a alcançar novos públicos!