Novo hit saudita pode ser motivo de prisão no Oriente Médio

Por Gustavo Morais

O mundo árabe tem testemunhado a popularização do clipe da música “Barbs”, autoria do diretor e artista saudita Majed al-Esa. Hit incontestável na inetrnet e lançado em dezembro passado, o viral já ultrapassou a marca de 20 milhões de visualizações no YouTube.

Majed al-Esa é conhecido por promover conexões entre a cultura local e a do ocidente. A antropofagia cultural proposta por Majed, no entanto, não tem agradado os mais conservadores e as autoridades do Oriente Médio. Em dialeto local, “Barbs” significa “bagunçado”.

Em Abu Dhabi, dois homens vestidos com uniforme militar que fizeram a dança foram presos e acusados de desrespeitar o Exército nacional. Já na Arábia Saudita, alguns afirmaram que o vídeo é a prova de que influências ocidentais estragam a sociedade. De acordo com o site O Globo, a ala árabe conservadora “pediu publicamente o boicote da dança, exigindo que as autoridades prendam os artistas por seus movimentos ‘indecentes'”.

Dê o play e confira o vídeo que pode fazer o sol nascer quadrado para muitos árabes: