Sertanejo Hudson consegue habeas corpus e está em liberdade

Por Gustavo Morais

Hudson responderá em liberdade pelo crime de porte ilegal de armas

O cantor Hudson, da dupla Edson & Hudson, conseguiu um habeas corpus e já está em liberdade. O sertanejo deixou o presídio de Tremembé na tarde deste sábado (23), menos de 24 horas após a Justiça determinar a sua prisão preventiva.

Nesta semana, Hudson foi preso duas vezes portando armas de uso restrito. Em uma das apreensões, o sertanejo portava maconha. As prisões ocorreram na cidade de Limeira, interior de São Paulo, local onde o artista vive.

O habeas corpus que colocou Hudson em liberdade foi concedido pelo desembargador Pedro Luiz Aguirre Menin. Em reportagem do G1, Menin explicou que “não havia motivo para prisão. Ele tem bons antecedentes, é primário, as armas estão regularizadas. Ele podia ter em casa, ele não podia portar. O erro dele foi estar com a arma. Houve pagamento de fiança de R$ 18 mil”.

A fiança foi fixada e paga antes do pedido feito pela defesa neste sábado. Com a decisão da Justiça, o artista responderá em liberdade pelo crime de porte ilegal de armas de fogo.