Com A Boca Amargando

Charlie Brown Jr.

Tudo estava num momento bom
Eu só pensava em me divertir
Tudo estava num momento bom
Mas começaram a me seguir
Dez horas com o gosto amargo
Com o punhal no meu coração
Os olhos dela são da cor do mar
Mas são gelados como a solidão

Fui eu quem consumi ela até o fim
Fui eu quem amava ela tanto assim

O poço da loucura é muito fundo
O jardim da insanidade, cabe eu, 
você e todo mundo
Quando você não mais servir, eles 
vão te esquecer
Mais ai ganha quem sabe perder

Tudo estava num momento bom
Eu só pensava em me divertir
Tudo estava num momento bom
Mas começaram a me seguir

Dez horas com o gosto amargo Com o punhal no meu coração Os olhos dela são da cor do mar Mas são gelados como a solidão Fui eu quem amava ela tanto assim Fui eu que consumi ela até o fim Sem neurose, cada um sabe o dom, E o dom é o tamanho da dose Não tenho explicações a fazer Quem sabe de mim sou eu Quem sabe de você, é você Quem foi que ficar vai ficar Quem foi de correr, vai correr Você não pode se fechar para o mundo Por medo de se machucar Se não você vai se machucar por não viver Viva todo dia, viva devagar Ande pelo submundo, mas saiba voltar Viva pela vida, viva pra mudar Viva pelo mundo, o valor só ali está Fui eu que consumi ela até o fim Fui eu que matei ela no jardim Sem medo do preço que tenho que pagar Sem medo de eu ter me tornado um alvo No fim da colheita, sim, eu serei salvo Hoje eu só procuro a minha paz uma alma sem sonho se torna objeto do incerto Hoje eu só caminho pelo certoHoje eu só procuro a minha paz Hoje eu só caminho pelo certo Fui eu quem amava ela tanto assim Que consumi ela até o fim Hoje eu só procuro a minha paz Paz Paz....
Composição: Luiz Carlos Jr. Leao Duarte / Marco Antonio Valentin Britto Junior / Renato Peres BarrioColaboração e revisão: