Máscaras (part. Sant e Tiago Mac)

Delacruz

[Delacruz]
Agora eu quero ver você aparecer
A máscara caiu no final, baby
E fiz parecer que eu saí pra 
espairecer
E isso tudo é tão natural, baby

Agora eu quero ver você aparecer
A máscara caiu no final, baby
E fiz parecer que eu saí pra 
espairecer
E isso tudo é tão natural, baby

[Sant]
A vida tem se provado não muito 
melhor que isso
E não era muito disso que tu tinha 
projetado
Talvez deva ser anos de serviço
Cantar para multidões e dormir 
sozinho
Por que tanta pressa Sugar Man?
Se for parar para ler
Tá fácil pra ninguém
Você é só mais um igualzinho
8h15
E ela diz que tudo que faço gira em 
torno de insatisfações
Que minhas infelicidades serão 
sempre inspirações
Que eu nunca vou ver o lado bom
Enquanto eu me esforçar por ruir no 
tom
E que entrego a alma para o mundo
Menos pra ela
Não nego
Sou só eu e o som
8h30
E ela diz que esse meu silêncio 
asfixia
Que desato nós de gargantas
Com as mesmas linhas que eu me 
enforcaria
E ela tem razão
Mas são 9h00 sigo sem palavras
As delas escorrem
Penso vou embora parte nossa morre
Os que me abraçarão onde estão 
agora?
Se são quase 10 o que chamo de 
missão me chama
Por mais que ela ainda insista que é fuga Um pouco sim, mas se fosse eu não ia No fundo isso elas duas sabiam E hoje eu me sinto melhor que ontem Que nessas voltas o que é de ir que vá E se for ficar que volte [Tiago Mac] Preciso subir e falar com ela Melhor que fazer uma rima Um love song tem um preço alto Você nem imagina Quem dera fosse fácil como acham que eu faço (quem dera) Pior ainda é pensar o motivo que eles acham que eu faço Música é sentimento, não coisa do momento Momento é moda Moda vai e passa Vai chegar sua hora, mas demora um tempo E eu tava ciente Um tanto descrente, mas tô no caminho (tô no caminho) Você dá sorte que eu te amo, linda E também não sei ficar sozinho Hoje eu quero mudar esse jogo Vem comigo que eu tô cheio de fogo No terraço, na sala, no quarto E quando terminar a gente faz de novo Num eterno loop, ciclo vicioso Escondido é mais perigoso Depois das 22h eu já nem sei quem sou Asas nos pés Esse é o nosso show Fodam-se eles Hoje é só nós dois Quero te ver sem ter que me esconder (É) Fodam-se eles Hoje é só nós dois, amor Eu tô fazendo um rap pra você (pra você) [Delacruz] Foi magia Eu via todo o futuro Tiro no escuro Apliquei, tentei Fui de cara no muro Você não entendia Eu não entendia Ninguém entendia (é) Só tava duro E tudo que eu tinha era um sonho Você não quis um pedaço Fiz parecer brincadeira Naturalmente é o que eu faço E eu sou mágico, você não vê? Aprendi fazer dinheiro Você entrou em desespero Tentou me puxar de volta Aí já não foi maneiro Eu queria mais que isso Via mais que isso E voltamos ao dinheiro Pra você é tudo o que importa E eu dizia compromisso Que era muito mais que isso Eu falhei Não te apresentei Sabota Agora eu quero ver você aparecer A máscara caiu no final, baby E fiz parecer que eu saí pra esparecer E isso tudo é tão natural, baby Agora eu quero ver você aparecer A máscara caiu no final, baby E fiz parecer que eu saí pra esparecer E isso tudo é tão natural, baby
Composição: Sant / Tiago MacColaboração e revisão: Flavio Luz

Utilizamos cookies para personalizar sua experiência. Ao acessar o site, você concorda com a nossa Política de Privacidade.