Aff Mano Bom Dia

Froid

Am
123
X02210
Dm
123
XX0231
Tom: G
[Intro] Dm  Am  Dm  Am
        Dm  Am  Dm  Am

Dm
   Escrevendo o verso sem botar 
acento
Am
   A lógica não cabe nem tem 
cabimento
Dm
   Arrisco outra rima e checo o 
batimento
Am
   Alguém tem que acabar com esse 
fingimento

Dm
Cê não deve fingir porque eles tão 
fingindo
Am
Mano, eu só fugi porque te vi 
fugindo
Dm
Mas eu sempre preferi o atrito
Am
Por isso você sempre vai me ver 
rugindo
Dm
O que eu queria mesmo era te ver 
domingo
Am
Tô com uma saudade de te ver 
dormindo
Dm
Meu rap tá repercutindo
Am
Eu sempre lanço som, mas sempre tão 
pedindo

Dm Am Ê, porque estamos perdidos Dm Porque estamos perdidos Am Porque estamos perdidos Porque estamos Dm Am Drogas pela casa, não me orgulho disso, não Dm Am Só o necessário, só quando eu Dm Am Só quando eu preciso porque estamos bem Dm Am Oh, só o necessário, só quando eu Dm Cartões de crédito Menos sono, Red Bull Am Sangue não, ketchup Teto, tédio Dm Ter tudo, tédio, sem tu, tédio Am Ter tudo é tédio, tédio, tédio Dm Rubi 10 tem um monte Guardei dez por um bom tempo Am Meia noite e 34, tô escrevendo desde às 11 Dm Foda-se a internet, eu sei fazer Folhas, notas, cheque, eu sei fazer Am Mano, não compete, cê não sai com essa velocidade Mano, eu briso leve, mano, aff Dm Eu não sei dos sintomas, eu, eu Am peço a vida em um Que se faz é de vítima, dá licença, Dm eu ri demais Todo dia é o dia, anota isso no seu Am diário Minhas noites são dias, passo dias trancado Dm Você não entenderia, faço mímica pros limitados Am Tudo bem, é conquista, todo luxo é equivocado Dm Tira os olhos de mim, mano, você deve tá obcecado Am Tô sempre em vigília, mano, eu nunca sou vigiado ( Dm Am Dm Am )
Composição: Colaboração e revisão: Rodolpho Albanez

Utilizamos cookies para personalizar sua experiência. Ao acessar o site, você concorda com a nossa Política de Privacidade.