busca

O Rei do Fumo

Goiano e Paranaense

Tom: C
INTRO: G C G F C G C G C 

    C
Deixei de ser alfaiate
               G
Abandonei a tesoura

Sai da cidade grande
                    C
Fui trabalhar na lavoura
     F
O que eu plantei lá na roça
         C        F
Foi mandioca e cenoura
C     G          C
Eu tive duas parceiras
       G          C
Uma morena e uma loura

(G C G C)

    C
A plantação de cenoura
                    G
Não de certo pro consumo

Pra arrancar minha mandioca
                  C
Eu quase perdi o plumo
   F
A loirinha e a morena
       C           F
Me deixou até sem rumo
 C     G         C
Tomei outra decisão
       G             C
E comecei plantar o fumo

( G C G C )

      C
Quando eu fui colher o fumo
                     G
Vejam só quanta alegria

O tempo me ajudava
                    C
E o meu fumo endurecia
F
Arrumei a minha vida
        C           F
Conquistei a freguesia
C   G            C
Até as moça granfina
        G         C
Do meu fumo consumia

( G C G F C G C G C G )

   C
O meu fumo é contagiante
                   G
Quando começa crescer

Quem experimentar meu fumo
                     C
Nunca vai se arrepender
F
Aqui tem café no bule
     C             F
O negócio é pra valer
 C     G           C
Meu fumo não nega fogo
        G            C
Mesmo se o tempo chover

( G C G C )

     C
Me chamam de rei do fumo
                        G
E tem sucesso esse meu nome

Há milhares de mulheres
                      C
Que o meu fumo já consome
F
Sustento o vício de todas
      C             F
Aqui ninguém passa fome
C      G           C
Mas é só pra mulherada
          G            C    G   C
Aqui não tem fumo pra homem

Clipes

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios