Sombra Em Você

Madame Saatan

E apostou que eu não teria outra chance outra redenção
E levantou e apontou o dedo torto em minha direção
E nem devorou e nem deixou certeza ou grande coisa em cima da mesa
Ainda que eu não veja, ainda que eu não esteja mais.


Então jogou o seu melhor disfarçe quando eu dizia não
E acordou tarde e nem apostou na minha multidão
E nem devorou e nem deixou certeza ou grande coisa em cima da mesa
Ainda que eu não veja, ainda que eu não esteja mais.


De novo, eu fazer de novo sombra em você
De novo, eu fazer de novo sombra em você.


Por algum tempo acreditava em outra realidade
Alguma parte dela devorava quem mais não fosse assim
Ficam então as chaves, vontades, vantagem e mais o que eu não quero ser
Pra quem pode esperar volto vestida pra fazer sombra de novo.


De novo, eu fazer de novo sombra em você.
De novo, eu vou fazer de novo sombra em você.


Por algum tempo acreditava em outra realidade
Alguma parte dela devorava quem mais não fosse assim
Devolvo então pra você, devolvo então pra você
Pra quem pode esperar volto vestida pra fazer sombra de novo.

Composição: Madame SaatanColaboração e revisão: Guilherme Motta

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...