Cada vez que eu me lembro Dos momentos de emoção Que nós passamos juntinhos Eu sofro, eu choro E relendo meu diario Eu recordo que voce Me enganava dizendo O nosso amor Não vai morrer Paginas que me trazem O passado quase um sonho
Que acalentei Agora vejo então Que tudo que sonhei Foi uma ilusão Paginas amassadas E marcadas pelo pranto Dessa solidão O meu diario Eu não quero mais reler Pra nunca mais sofrer Quanto mais o tempo passa Mais eu sinto que serei Só uma sombra perdida Sem vida, vazia Quantas vezez em meu pranto Eu consigo controlar Me desespero sozinho Sem carinho A lhe esperar Paginas....
Composição: Cobel / Lorenzo / Márcio GreyckColaboração e revisão: Adriana Nogueira

Utilizamos cookies para personalizar sua experiência. Ao acessar o site, você concorda com a nossa Política de Privacidade.