Maria Sambamba

Paulinho da Viola

As vezes eu quero brigar com ela
Só pra sair na Portela
Mas não encontro razão
Porque, sendo um samba brasileiro
Ela sambando na Mangueira ou no Salgueiro
Está defendendo o nosso pavilhão


Eu conheci Mariazinha
Em Caxias, no Cartolinha
Depois em Jacarepaguá, foi sambar na União
Por ser azul e branco
A cor que tanto lhe seduz
Quis findar a carreira
No Acadêmicos de Osvaldo Cruz


Maria Sambamba todos conhecem
Quando entra no samba a gente padece
Com o seu jeito de bambolear
Quando está à sambar


Já me contaram
Que um falso folião metido a bamba
Até um milhão gastaria
Pra conquistar Sambamba

Composição: Casquinha Da PortelaColaboração e revisão: Kaique Mateus

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...