Chorinho do Retrato

Sidney Miller

Eu fui fazer um dia este chorinho
Meu chorinho choradinho terminou assim
Em tom menor do que a felicidade
Só falava da saudade que chorava em mim
Eu sei que era um violão cansado
Que já estava acostumado me ver soluçar
E não sabendo bater direito
Resmungava no meu peito
Sem coragem de tocar


Mandei meu pinho retomar o acorde
Tristeza não morde, solidão não machuca
Se o sofrimento já não tem mais jeito
Toque ao menos em respeito de quem te batuca
No sustenido eu sustentei o tom e só tentei mudar
Quando ele me falou
Nem todo choro é de felicidade
Nem toda saudade faz um samba bom


Mandei meu pinho retomar o acorde
Tristeza não morde, solidão não machuca
Se o sofrimento já não tem mais jeito
Toque ao menos em respeito de quem te batuca
No sustenido eu sustentei o tom e só tentei mudar
Quando ele me falou
Nem todo choro é de felicidade
Nem toda saudade faz um samba bom


Mas foi então nesse momento exato
Que eu peguei o seu retrato e pendurei no violão
Repare bem como ficou diferente
Meu chorinho de repente, virou samba de salão
Só se esqueceu de que a saudade insiste
E não querendo ficar triste
Ficou triste sem querer
E de desgosto murmurou baixinho
De que vale ter teu rosto
Se eu não tenho o teu carinho
E de desgosto murmurou baixinho
De que vale ter teu rosto
Se eu não tenho o teu carinho

Composição: Sidney MillerColaboração e revisão: igor oliveira

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...