busca

O Pulo do Gato

Tião Carreiro e Pardinho

Tom: E
(intro) E B7 E B7 E

                   B7
Um sujeito endinheirado
                  E
Que fazia e desfazia
                 B7
Menina nova e bonita
                  E     B7   E
Era o que ele perseguia
                   B7
Das garras deste gavião
                  E
Quando a menina saia
                      B7
Lá pra casa dos seus pais
                 E
Muito triste ela ia
E7               A
A menina tão formosa
                   E
Um lindo botão de rosa
       B7         E    B7   E  B7  E
Que no galho já morria
                     B7
O que é bom logo se acaba
                    E
Confirma o velho ditado
                  B7
Pote tanto vai a fonte
                  E        B7  E
Que um dia volta quebrado
                   B7
Foi quebrado logo cedo
                   E
O encanto deste malvado
                   B7
Ele zombou de um amor
                   E
Da filha de um coitado
E7                A
Ele quis fazer peteca
                E
De uma linda boneca
     B7             E    
Mas filha de pai honrado

(intro)

                B7
A coitadinha chorando
                      E
Pro seu pai contou o fato
                     B7
Eu tenho na minha garganta
                   E    B7  E
Um nó que eu não desato
                 B7
Naquele rosto de pai
                 E
Vergonha ali era mato
                  B7
O velho entrou em cena
                  E
Foi no derradeiro ato
E7                  A
Jurou de joelho no chão
                   E
Vou pular nesse gavião
    B7                E   B7  E  B7  E
Do jeito que pula um gato
                B7
O caboclo de vergonha
                  E
Deu um balanço na vida
                 B7
Viu sua esposa rezando
                  E      B7  E
Perto da filha querida
                B7
Viu sua filha chorando
                   E
Numa estrada sem saída
                B7
Dentro da sua razão
                    E
Ele entrou nesta partida
E7               A
Foi só pena que voou
               E
O gavião se acabou
       B7          E    
Desta vez pra toda vida

(intro)

                     B7
Este caboclo que eu digo
                  E
Mora lá no pé do morro
                B7
Numa casa escondida
                E     B7  E
Parece toca do zorro
                B7
Onde a Corruira canta
                   E
E faz seu ninho no forro
                B7
Tem azeitona de aço
                   E
Malandro não tem socorro
E7                A
Malandro naquela casa
                  E
Topa bezourro sem asa
       B7           E     B7  E
Tá num mato sem cachorro

Clipes

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios