Nas Asas Brancas da Saudade

Vicente Celestino

Chorar, ah! se chorar inda eu pudesse
Talvez fôra maior a minha mágoa
No entanto, não tenho uma gota d'água
Para brandura vir dar à minha desventura
Se aos céus chegasse o grito dolorido
Que sai dos lábios meus neste momento
Teu nome eu mandaria à imensidade
Ns asas brancas da saudade
Na tepidez de um pensamento


A minh´alma tão esquiva
vive agora pensativa
Meu tormento a ocultar


Minhas mágoas eu descanto,
Ainda assim eu sofro tanto
Sem ter pranto pra chorar
Meiga lua que interpretas
As tristezas dos poetas
Vem ajudar-me a compor
Minha triste melopéia
Tão cheia dessa odisséia
Que envenena o meu amor.

Composição: Cândido Das NevesiColaboração e revisão: José Abreu

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...