Lenco e vento

Cicero Goncalves

Deixei meu rancho na serra
Os galos tecendo a manha
Risquei o baio de espora
Na aurora cor de roma
Meu lenco pegou poeira
A magoa dos meus punhais
Depois que bati a poeira
Nao era o mesmo rapaz
Viola amarrada com fitas
Folias que eu quero mais
De lenco e vento eu entendo
Pois sao os meus madrigais
Vou amarrar esperanca
No vento dos roseirais
O pranto com jeito se amansa
Nestas veredas de paz
Faco da espora uma estrela
Na tarde que se desfaz
Faco da noite uma esteira
Bandeiras dos festivais

Composição: Raymundo Prates / Ze PedroColaboração e revisão: thiago novais

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...