Pantomime

Incubus

Na minha fantasia
Eu sou um mímico
Eu só mexo minhas mãos e todos veêm o que eu quero dizer
Palavras são muito complicadas
E já passou o tempo
Para entregar na minha boca
Pinto meu rosto de branco e reinvento o oceano
Uma onda de cada vez
Falo sem minha voz
E vejo o mundo pela luz de vela


Eu não tenho medo de deixar sair
Eu não estou com medo de enfrentar a queda
Mas eu achei além de qualquer dúvida que
Que você diz mais por não dizer nada


Na minha fantasia
Não tem coisa como o tempo
Minutos sangram em dias de arte vanguardista
Me mostre sua heresia e eu te mostrarei a minha
Nós só falamos em mímica nesse tapete mágico


Eu não tenho medo de deixar sair
Eu não estou com medo de enfrentar a queda
Mas eu achei além de qualquer dúvida que
Que você diz mais por não dizer nada


Na minha fantasia
Você fica bonita entrelaçada
No meu cabelo e pele e cuspe e suor e vinho tinto derramado
Você é o meu segredo profundo
Eu sou seu mímico
Eu só vou mover minhas mãos
Eu prometo que você vai entender o que eu quero dizer

Composição: José Pasillas Ii / Chris Kilmore / Ben Kenney / Alex Katunich / Brandon Boyd / Gavin Koppell / Jose Antonio Pasillas II / Michael EinzigerColaboração e revisão: Ritielle NunesRoberta Trombetta

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...