Meu Caro Barão

Chico Buarque

A
123
X02220
B
234
X24442
E
123
022100
Tom: E
E Onde quer que esteja meu caro Barão São Brás o proteja o santo dos B ladrão Tava na faxina do seu caminhão E Vi essa maquina de escrever no chão Escovei a nega lavei com sabão A Deu uma cocega nos calo da mão Pronto E Ponto B E Tracinho, tração A Linha E Margem B Meu caro Ba... E Vire a pagina continuação B Ai, essa maquina tá que tá que é bão Como eu lhe dizia meu caro Barão E A sua ausência é uma sensação O circo lotado cidade e sertão A Domingo, sábado inverno e verão Pronto E Ponto B E De exclamação A Linha
E Margem B E Meu caro Barão A Tem gargalhada E Tem sim senhor B Tem muita estrada E Tem muita dor A Venha, Excelência E Nos visitar B Estamos sempre Noutro lugar E Dizem que virgula aspas, travessão B Coisa ridicula dizem que o Barão Que o Barão, meu caro tinha a faca, o pão O queijo e os passaros voando e na E mão Pois eu tenho ouvido que o pobretão A Tá magro, palido sem ocupação Pronto E Ponto B E De interrogação A Linha E Margem B E Meu caro Barão A Venha, Excelência E Nos visitar B A casa é sempre E De quem chegar A Se a senhoria E Vem pra ficar B Basta algum dia Se preparar E Pra rodar com a gente pra fazer serão B Pra ficar contente comer macarrão Pra pregar sarrafo pra lavar leão E Pra datilografo bilheteiro, não Pra fazer faxina nesse caminhão Cuidar da maquina e não ser mais A Barão Linha E Margem B E Etcétera e tal A Pronto E Ponto B E E ponto final
Composição: Chico Buarque / L. Enriquez Bacalov / Sergio BardottiColaboração e revisão: Adriano Robaina

Cifra Club Academy

O ensino de música que cabe no seu tempo e no seu bolso!

Quero conhecer os cursos
Cifra Club Pro

Entre para o
Cifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Mais recursos no app do afinador

  • Desconto em nossos produtos

  • Entre outras vantagens...