Minha Missão

João Nogueira

A7
12
X02020
Ab7+
1234
4X554X
Am5-/7
1234
5X554X
Am7(b5)
1234
5X554X
Bb7+
234
X13231
C
123
X32010
C#°
234
X45353
C#º
234
X45353
Cm
234
X35543
Cm7
34
X35343
D7
123
XX0212
Dm7(b5)
123
XX0111
Eb7
1234
X6564X
Eb7+
1234
XX1333
F7+
1234
1X221X
G6
1234
3X243X
G7
34
353433
Gm
34
355333
Gm7
1234
3X333X
Gm7/F
1234
XX3363
Tom: G
[Intro] Cm  C#º  Gm  Eb7+  Am7(b5)  D7  Gm7

               F7+             Eb7            D7
Quando eu canto,  é para aliviar, meu pranto
                     Gm7     Cm        D7
E o pranto de quem já   tanto sofreu

 Gm7             F7+                     Eb7          D7
Quando eu canto,  estou sentindo a luz de um Santo
              Gm7     Cm7            D7
Estou ajoelhando  aos pés de Deus

 G6                       C
Canto para anunciar o dia
 F7+                       Bb7+
Canto para amenizar a noite
 Eb7                        Ab7+
Canto pra denunciar o açoite
 D7                          Dm7(b5)    G7
Canto tambem contra a tirania
                       C
Canto porque numa melodia
 F7+                    Bb7+
Acendo no coraçao do povo
 Eb7                        Ab7+
A esperança de um mundo novo
      Eb7              D7        Gm7    D7
E a luta  para se viver em paz

 Gm7                 F7+               Eb7                  D7
Do poder da criação,  sou continuação e quero agradecer
 Cm7      Am7(b5)   D7                Gm7     Gm7/F
Foi ouv        ida a minha súplica
 A7                     D7
Mensageiro sou da música

Gm7                  F7+                 Eb7                     D7
O meu canto é uma missão tem força de oração,e eu cumpro o meu dever
Cm            C#°   Gm         Eb7+   Am5-/7   D7        Gm7   D7
Aos que vivem a chorar,eu vivo pra cantar   e canto pra viver

Gm7                  F7+                 Eb7                     D7
O meu canto é uma missão tem força de oração,e eu cumpro o meu dever
Cm            C#°   Gm         Eb7+   Am5-/7   D7        Gm7   D7
Aos que vivem a chorar,eu vivo pra cantar   e canto pra viver

Gm7          F7+                Eb7
Quanto eu canto, a morte me percorre
        D7                  Gm7  Gm7/F
E eu solto,um canto da garganta
                       Cm         Eb7
Que a cigarra quanto canta morre
        D7                 Gm7
E a madeira quando morre canta
Composição: João Nogueira / Paulo César PinheiroColaboração e revisão: Filipe Marvila