busca

Chamas da Vida

kamaitachi

Tom: C#m
[Primeira Parte]

C#m                       B                           F#                               A
Sinta essa dor fantasma que esfria tua alma e congela o teu coração.
C#m                                B                              F#                                 A
Vigia com os lobos da matilha, que morrem de anemia, por falta da sua refeição
C#m                                   B                                F#                            A 
Sua espada esta sempre vermelha,com sangue de ovelha, mas isso não te causa aflição
C#m                                      B                     F#                       A  
Teu rosto tem cinzas de uma vasta, terra devastada por necessidade de destruição

[Refrão]

 A     B                  C#m                    B            
Por que você não apaga as chamas da vida?
 A       B                     C#m                    B        
E dê motivos para os mortos acharem a saida 

( C#m  B  F#  A )

[Segunda Parte]

C#m                              B                              F#                               A
Lembra... Daquela éra vazia que os corvos conduziam as pessoas sem luz pra redenção
C#m                                     B                                F#                   A
Lembra? Sangue era o que chovia, luxúria, orgulho e irá veio a selar teu coração
C#m                                   B                                F#                            A 
Sua espada esta sempre vermelha,com sangue de ovelha, mas isso não te causa aflição
C#m                                 B                                   F#                              A  
Teu corpo queima como brasa, teu dedo indica as almas, teus olhos veem além da escuridão

[Refrão]

 A     B            C#m                B           A
Por que você não apaga as chamas da vida?
 A         B                 C#m              B        A 
E dê motivos para os mortos acharem a saida 

C#m                           B                     F#                   A
Lembro do teu corpo fraco que ajoelhado esconde o sol com medo que ele volte a brilhar 
C#m                           B                             F#                    A
Lembro do caos do desespero daquele sol negro que faz os mortos

  C#m  
Caminharem
  B 
Caminharem
  F# 
Caminharem
  A
Caminharem

( C#m  B  F#  A ) 
( C#m  B  F#  A ) 
( C#m )

Clipes