Pode Esquecer

Djavan

Am6(9)
12
X04500
Am7
12
X02010
Bbm6
1234
6X566X
Bm7
34
X24232
C7(9)
1234
X3233X
D7(9)
1234
X5455X
D7(b9)
1234
X5454X
Eb7(9)
1234
X6566X
Em7
123
022030
Em7(9)
1234
X7577X
F7M
1234
1X221X
F7M(9)
1234
X8798X
G7M
1234
3X443X
Gm6
1234
3X233X
Gm7
1234
3X333X
Gm7(11)
1234
3X331X
Gm7M
34
354333
Tom: G
Intro: Gm7M  Gm7  Gm6  C7(9)  Gm7M  Gm7  Gm6  C7(9)  F7M  Gm7  Am7  D7(b9)

  Gm7M           Gm7                C7(9)
  Em algum lugar, onde se pode esperar pelo melhor,
  Gm7M          Gm7                        C7(9)
  Onde cada ser  se viu crescer cheio de planos pra servir,
   Am7           D7(9)  Bm7       Em7  Am7              D7(9)    Em7(9)
  Vida só há de ter   quem a dividir! Ser alguém por fazer mais!
   Am7             D7(9)   Bm7           Em7
  Não se pode ir além nas costas de ninguém,
   Am7            D7(9)   G7M  Gm7M  Gm6  Gm7
  Por amor, como for, vai.

      G7M            Gm7M Gm6           Gm7
  Na nova ordem geral        de um novo comando,
   G7M           Gm7M Gm7(11)        C7(9)
  Abstinência moral       é crime hediondo!
     F7M             Gm7       Am7        D7(b9)
  Aquela onda de caos que sai varrendo o mar
               Bbm6           Am6(9)
  Dos que têm poder, pode esquecer!
       G7M                Gm7M Gm6       Gm7
  Só procedimentos normais,     o mais é injúria.
     G7M            Gm7M Gm7(11)         C7(9)
  E tudo se liquefaz         num mar de candura.
         F7M                  Gm7
  Se alguém tiver que arbitrar
          Am7      D7(b9)      Bbm6
  Só vai poder contar com o delírio de um cantor:
         Eb7(9)                 F7M(9)
  O que se passou, passou. Prescreveu!...
                      Bbm6
  O amanhã ficou pra bem distante,
F7M(9)                Bbm6
  O hoje com a mesma cara de ontem
F7M(9)                      Bbm6             F7M(9)  Bbm6
  E a vida segue em frente, ardilosamente a mil.
F7M(9)                Bbm6
  O amanhã ficou pra bem distante,
F7M(9)                Bbm6
  O hoje com a mesma cara de ontem
F7M(9)                      Bbm6             F7M(9)  Bbm6
  E a vida segue em frente, ardilosamente a mil.
Composição: DjavanColaboração e revisão: Gabriel Farias