A Tradição Não Morre Jamais

João Carreiro e Capataz

A
123
X02220
D
123
XX0232
E
123
022100
G
123
320003
Tom: D
D Viola, com você no meu peito G Me sinto um guerreiro pronto pra A missão G Sou o seu recruta que vive e que D luta E A Só para manter essa tradição G D De um povo caipira de interior E A D Canto com amor, coisas do sertão A D D Viola, com você nos meus braços
G A Não existe cansaço pra me dominar G D Encaro os espinhos que a vida tem E Não deixo nada ou ninguém me A desanimar G Espelhando em um homem que o tempo D não consome E A Sabendo que seu trono ninguém pode D A D ocupar D Viola, nas mãos de tião carreiro G Grande rei violeiro que hoje A descansa em paz G Viveu os seus dias de lutas e D glórias E Ficou pra história e não morre A jamais G D E dando sequência nesta trajetória E A Nos braços desta viola jão D carreiro e capataz O destino aqui me trouxe D Cantar pra você eu vou
Composição: João CarreiroColaboração e revisão: Amauri Spada

Utilizamos cookies para personalizar sua experiência. Ao acessar o site, você concorda com a nossa Política de Privacidade.